Casa da Elisa

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
Página Inicial
Cardápio
Depoimentos
Eventos
Festa Italiana
Fotos
Museu
Músicas
Na Mídia
Parceiros
Quiririm
Receitas
Restaurante
Vídeos
Localização
Contato



A marca Elisa, teve seu início no dia 19 de abril de 1983, A 28 anos atrás eu, Elisa Surnin Saes, abri uma empresa, em uma colônia italiana super fechada . Uma mulher trabalhar para sustentar a casa era uma coisa inconcebível naquela época. Mas, aos poucos a italianada da redondeza foi se rendendo aos sabores de meus pratos.

Sempre gostei da cozinha. Cozinhar para mim é um prazer.

Como conheço alguns segredos da culinária italiana, o meu diferencial é fazer aquilo que mais gosto: Boa comida.

O clima do restaurante é muito agradável e lembra muito os "almoços de família" na Itália.

Alegria, fartura, e boa comida, esses são os requisitos para tornar um restaurante italiano conhecido e afamado.
Além da tradição em manter o padrão, preservo as receitas de família da mesma maneira que eram feitas a 124 anos atrás. Para mim, quem vem a um restaurante temático, não vem só para comer. Com certeza está à procura da história e das raízes, para se sentir um pouquinho na Itália. Por esse motivo, além das receitas retiradas dos livros e cadernos guardados a 7 chaves pela família, o restaurante possui um acervo de documentos, fotos, peças, utensílios, long plays , discos, cartas, depoimentos e livros de receita que atraem a curiosidade dos clientes.

Entre os pratos que preparo, o Tortele de Abóbora ao Sugo, é o meu preferido. É muito diferente. Tem um sabor exótico e delicioso. A massa e o molho são caseiros, com gosto de antigamente.

No entanto, o prato mais pedido é o filé à parmegiana. Todos saem elogiando principalmente o molho, que, é feito com tomates frescos sem adição de produtos químicos. A casquinha crocante é um segredo de família que com certeza ajudou no sucesso do prato.

Atualmente pratos criados pelos primeiros imigrantes, mas com ingredientes brasileiros estão fazendo muito sucesso. Logo no início da colonização, a escassez de produtos importados fez como sempre a criatividade sobressair É o caso do codeguim com feijão, ,arroz com suã, rabada com agrião, panceta, pernil defumado, salame Quiririm, linguiça calabresa com erva doce, afogado, quirerinha de milho com costelinha de porco, bolinho caipira, doces feitos com frutas do quintal.

Tenho certeza que minha saga em fundar um restaurante que deu certo, em um lugar improvável deu uma grande contribuição para nossas famílias pois hoje nosso distrito se intitula"Colônia Gastronômica de Quiririm"e a maior parte delas vive da gastronomia.

Virtua Brasil